Mês: janeiro 2018

CES 2018: veja as novidades da maior feira de tecnologia do mundo

A Consumer Eletronic Show -CES- é realizada, todo mês de janeiro, nos Estados Unidos. Confira  os destaques da CES 2018:

Smart TVs

LG, apresentou um modelo em que a tela

poderia ser enrolada como um jornal e, desta forma, transportada com maior facilidade. A TV ainda está em fase de testes e não tem data para chegar às lojas.

Modelos mais tradicionais, como a linha W8, têm como destaque a inteligência artificial, com tecnologias que  permitem ao usuário usar comandos de voz para realizar buscas na TV, incluindo filmes.

Smartphones

No destaque o ZenFone Max Plus

que vem com desbloqueio por reconhecimento facial. A bateria também é um ponto alto, prometendo duração de 26 dias, em modo stand by.

Computadores

Uma das grandes estrelas  foi um protótipo de notebook,  da Razer, que acopla o  Razer Phone .

Uma vez encaixado no notebook, o celular pode funcionar como touchpad, caixa de som e até como tela de toque adicional para games. O note carrega a bateria do smartphone enquanto os dois estão conectados.                                                                         Como é um protótipo, não há previsão de preço ou data de lançamento.

Eletrodomésticos e casas inteligentes

Samsung e LG  trouxeram  eletrodomésticos, sincronizados com smartphones, que recebem comandos usando assistentes de voz . O destaque é para a Alexa, a assistente digital da Amazon.            Assim, a máquina de lavar pode receber comandos de voz ou a televisão se integrar automaticamente com os aplicativos e informações disponíveis em seu celular. Ou ver sua agenda, na tela da geladeira, enquanto toma o seu café da manhã.

Anúncios

2017 – Quer chorar?

Em maio de 2017 aconteceu o maior ataque hacker com uso de ransomware do mundo, o WannaCry. Usuários de todo o mundo tiveram seus arquivos capturados e criptografados, tornando bancos de dados inteiros reféns, até que se pagasse uma quantia de resgate em Bitcoins.

Outros dois grandes ataques, o NotPetya e o BadRabbit, consolidaram 2017 como o ano dos ataques cibernéticos.

Baleia Azul

Mais do que crimes contra a economia, a vida humana também foi ameaçada. A vilã foi a brincadeira perigosa chamada “Baleia Azul”, um fake news, que se acredita tenha vindo da Rússia.

Pelas redes sociais, criminosos desafiavam crianças a cumprirem desafios que levavam ao suicídio. O jogo chegou a fazer vítimas no Brasil e preocupou pais e professores.

Curso de Cachaça e o Gemidão

Nem todo mundo achou graça, mas hackers gaiatos invadiram o site do Sistema de Seleção Unificada -Sisu (notoriamente sem graça) e inscreveram uma aluna que queria estudar medicina no curso de cachaça.

Um susto, um aborrecimento para a estudante e uma saia justa para o Sisu, que reprovou a ação dos hackers e exigiu respeito ao curso de produção de cachaça, oferecido na cidade mineira de Salinas.
Outra da galera que perde o amigo, mas não perde a piada: o “Gemidão do WhatsApp”.

A “vítima” recebia um áudio ou vídeo, geralmente  disfarçado em assuntos sérios, que  depois de alguns segundos, era substituído por um áudio com gemidos eróticos. Muita gente passou vergonha ao abrir o conteúdo em público.

Como se proteger:

Nos episódios dos ataques de vírus e das invasões, como a do Sisu, os especialistas são unânimes em dizer que uma das melhores formas para se proteger é manter todos os equipamentos, firewall e antivírus sempre atualizados.                                                       No caso dos usuários domésticos, a velha dica de não usar uma única senha para todos os serviços é fundamental.

Para enfrentar a Baleia Azul, o conselho é uma mudança comportamental: monitorar a internet dos filhos, manter o diálogo e a confiança.

E o gemidão?  Desde então, e até hoje, é recomendado que não se abra vídeos sem o fone de ouvido, especialmente no ambiente de trabalho e em lugares públicos, como no ônibus, por exemplo.

No balanço final, alguns especialistas defendem que as ações dos hackers em 2017 terão um lado positivo: 2018 será o ano em que, finalmente, as discussões para garantir a segurança na rede ganharão força.

Retrospectiva 2017- Destaques da Tecnologia

Chatbot-  o simpático robozinho que conversa com as pessoas, celular com duas câmeras e a TV que  promete uma experiência única.

Veja algumas das novidades tecnológicas que 2017 nos trouxe:

 

Pen drive Kingston

A Kingston criou o pen drive com a maior capacidade existente no momento: 2 terabytes. O acessório é chamado DataTraveler Ultimate GT e tem conexão USB 3.1, o que viabiliza a troca veloz de dados entre ele e um computador.

 TV LG

. A tela da W7 Signature OLED tem somente 2,5 mm de espessura.  Segundo a fabricante, o aparelho tem tecnologia exclusiva, cada pixel se autoilumina e fornece uma experiência visual única, capaz de criar um contraste que revela as cores com  perfeição.

Chatbots

Em 2017 vimos a popularização dos programas de  computador que respondem mensagens de usuários, via  chat.                                                                   O chatbot é um robô desenvolvido a partir de software de comunicação automatizada. Os mais avançados possuem inteligência artificial e vão aprendendo com cada conversa para conseguir interagir, cada vez melhor, com as pessoas, em conversas futuras.

Nintendo Switch

Além de ter grandes jogos como Super Mario Odyssey e The Legend of Zelda: Breath of the Wild, o Nintendo Switch mereceu o troféu de gadget do ano por seu design inovador. Fácil de usar, confortável, resistente e com controles que se adequam a diversas situações, para um ou dois jogadores, estabeleceu um novo padrão em toda a indústria.

 Smartphones

ZenFone 3 Zoom

O Zenfone 3 Zoom estabelece um novo patamar para a fotografia móvel, combinando duas câmeras em um sistema inovador. Trocar entre as câmeras do Zenfone 3 Zoom leva apenas um instante.

os Galaxy S8 e S8+.

O aparelho recebeu  bastante elogiaos por oferecer recursos como a ausência de bordas na tecnologia Infinity Screen e a assistente pessoal Bixby.

10 anos de iPhone

O iPhone não foi o primeiro smartphone, mas foi o primeiro que popularizou o conceito e mudou nossas vidas para sempre. Tela sensível, aplicativos, a internet na palma da mão, câmera e uma série de dispositivos, que transformaram  o celular no “canivete suíço” da contemporaneidade.

Fonte de pesquisa: Retrospectiva 2017: lembre os destaques do mundo da tecnologia estadao.com.br